quinta-feira, 4 de março de 2010

Lições

Quando nasci, veio um anjo barroco e disse assim:

__ Vai, Rosimayre! Seja feliz, construa a tua história, percorrendo teus caminhos por aí!

Contempla toda beleza do universo e acrescenta razões ao teu existir!

Tenha a sensibilidade à flor da pele, chore quando a lágrima insistir em cair...

Sorria e contagie àqueles, cujo sorriso não aparece mais ali.

Pratique o bem, indiscriminadamente, sem autopromoção ou expectativa de gratidão.

Respeite teus irmãos, não invada os seus espaços e compartilhe das suas dores;Alinhar ao centro

Sinta e propague o amor, em toda a sua extensão... Do menor ao maior, pois ele será tua auto-sustentação!

Viva com intensidade cada ínfimo instante da tua existência: pule, grite, abrace, beije, brinque!

Não perca tempo com banalidades; otimize seu tempo porque com o passar dele, você aprenderá o quanto é veloz e irrevogável;

Deixe tuas marcas por aqui, de forma tão sólida, que ninguém será capaz de destruir!


Tenho tentado seguir aos conselhos do anjo e continuarei até quando estiver por aqui...



2 comentários:

  1. adoro o que vc escreve....parabéns.....bjs.

    ResponderExcluir
  2. Amei a forma como vc monta as palavras ... amo ler pessoas que escrevem bem , pessoas inteligentes ... e vc eh uma delas !!! Saiba que sou sua Fã !!! A escrita me comove, assim como o tempo me dissolve, mais a melhor emoção é quando vc emociona alguém !!! Um abraço ! Sua amiga. Lily.

    ResponderExcluir